O número de atendimentos de urgência e emergência mais que dobrou no Hospital Regional de Formosa em apenas três meses. Além dos casos de coronavírus, investimentos na modernização estrutural, instalação de novos leitos e a melhoria na qualidade do atendimento são as principais razões para este resultado significativo.

A unidade hospitalar passou por um processo de estadualização em abril deste ano e o Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento – IMED assumiu a gestão em junho. Desde então, os atendimentos de urgência e emergência dos casos de Covid-19 passaram de 584 para 1.288 e os atendimentos emergenciais gerais subiram de 2.181 para 4.163.

“Estamos trabalhando duro para oferecer à comunidade da região de Formosa um atendimento de excelência. Mais do que números, nosso orgulho é saber que, acima de tudo, pessoas estão voltando para casa melhores”, diz Vania Fernandes, diretora do HRF.

Não só cresceu o número de atendimentos como também houve um aumento significativo na quantidade de exames de pacientes. Os eletrocardiogramas chegaram a 160, enquanto as análises clínicas (hemograma, colesterol, glicemia, entre outros) somaram 8.225 em setembro.

O número de diagnóstico por imagem também aumento com a instalação do novo aparelho de raio-x. Em setembro, a unidade realizou 1.460 exames. “A modernização do hospital tem gerados ótimos resultados e quem ganha é, principalmente, o paciente. Ele passou a ter uma estrutura eficiente no próprio município para ser atendido”, afirmou Fernandes.

Capacitação

O Hospital Regional de Formosa investe seriamente na qualificação de toda equipe de saúde, com treinamentos constantes de processos, padronizações e ações de segurança hospitalar.  “Com conhecimento disponível, a gestão da segurança do paciente tem condições de cada vez mais e melhor prevenir as ocorrências”, explica a enfermeira Jéssica Santos, do Núcleo de Qualidade e Segurança do Paciente (NQSP).

Ademais, os profissionais do HRF também recebem capacitações contínuas do programa Jeito Imed de Atender. O objetivo é despertar a importância da valorização das relações entre a equipe de saúde, pacientes e familiares.

O programa prevê encontros mensais entre líderes e equipes. São abordadas a importância das funções exercidas e os tipos de lideranças necessárias. Além disso, assuntos como atendimento consultivo ao paciente, identificar situações morosas do cotidiano e como melhorar o resultado no atendimento dos pacientes, são lembrados.

Sobre o HRF

O Hospital Regional de Formosa foi estadualizado em abril de 2020. Dessa maneira, o processo teve início em agosto de 2019 e passou pela aprovação da Câmara dos Vereadores e da Assembleia Legislativa. O Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento – IMED assumiu a gestão, em junho, com o compromisso de ampliar o atendimento à população instalando 10 leitos de UTI para pacientes com Covid-19.

As obras estão em andamento e durante o processo de regionalização a população continuará contando com os serviços de Pronto Socorro 24 horas, clínica médica, ortopedia e atendimento a gestantes. Passada a urgência da pandemia a infraestrutura ficará para a região, ampliando as opções de atendimento para usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content