A farmácia clínica de uma unidade hospitalar tem extrema importância na recuperação dos pacientes, pois é o setor responsável pela distribuição de medicamentos. O Hospital Regional de Formosa (HRF) acabou de instalar um moderno sistema, que conta com software integrado à internet, para auxiliar os farmacêuticos com o gerenciamento e provisionamento de medicamentos.

A ferramenta vai aprimorar a gestão de entrega e o cuidado com os insumos do HRF. A unidade conta com três estoques destinados ao armazenamento e controle de entrada e saída de remédios.

Desde que foi estadualizado pelo Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento (IMED), o HRF passou por diversas transformações que elevaram o nível de qualidade da unidade. Essas mudanças trouxeram nítidos benefícios e melhoraram a vida dos pacientes e colaboradores em pouco tempo.

“Nossa meta é transformar a vida das pessoas e, o investimento em tecnologia de ponta é sinônimo de avanço para todos” afirmou Vânia Fernandes, diretora executiva do HRF.

Novo software

Uma das modificações recentes na farmácia do HRF é a hospedagem de um novo sistema. O objetivo principal é a automação, mas, também, otimizar e organizar digitalmente o fluxo da gestão hospitalar.

O novo sistema faz a integração on-line de diversos setores da unidade hospitalar. Durante consulta a um paciente, por exemplo, o médico tem acesso imediato à prescrição eletrônica que, por sua vez, interage simultaneamente com a farmácia. Esse é o modelo que seguem os melhores hospitais do país. De posse do receituário, os farmacêuticos expedem o pedido e, em seguida, a medicação à enfermaria.  

Isso faz com que a prestação de serviço aos pacientes aumente ainda mais a precisão na prescrição de medicamentos e, consequentemente, diminua o tempo de espera.

Com o novo mecanismo o ciclo de compras é mais ágil e correto, elimina qualquer desperdício e prioriza o consumo consciente. Para além disso, o novo recurso tem importância socioambiental, uma vez que os relatórios e dados agora são totalmente digitais.

Otimização do tempo

Para Tharley Sousa Silva, gerente administrativo do HRF, a novidade tem muitas vantagens e permite que os relatórios sejam produzidos de maneira individualizada, isto é, por paciente, dia ou demanda. Dessa forma, é possível rastrear todos os medicamentos que entram e saem da farmácia com precisão ainda maior.

O novo sistema propicia ainda a identificação dos remédios por lote e validade, além de disponibilizar aos farmacêuticos a contagem de estoque em tempo real. Esse investimento tecnológico feito no HRF atende à uma das principais necessidades do país durante a pandemia do novo coronavírus: ser ágil e eficiente.

Salvar vidas é o principal objetivo da junta médica do hospital e ter rapidez nas tomadas de decisões contribui para esse objetivo. Por isso, a chegada de um sistema moderno, capaz de padronizar um setor, com certeza ajudar na missão do hospital.  

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content