O grande desafio imposto pela pandemia para empregadores e empregado é manter um ambiente de trabalho seguro e saudável. Um relatório produzido pela Organização Mundial do Trabalho (OIT) para marcar o Dia Mundial da Segurança e Saúde no Trabalho, comemorado neste 28 de abril, revela que é preciso levar em conta o adoecimento ocupacional. Além disso, doenças como a depressão e a síndrome de Burnout (síndrome do esgotamento profissional) são frequentemente monitoradas.

A situação fica ainda mais complexa dentro do ambiente hospitalar. Pensando na saúde e no bem-estar de todos os profissionais, o Hospital de Urgências de Trindade (Hutrin) desenvolve um trabalho sério e importante no combate às doenças associadas ao trabalho. De acordo o técnico em Segurança do Trabalho Carlos José Alves de Oliveira Santos todos os ambientes no hospital passam por avaliação periódica e programas que garantam a segurança física e sanitária dos colaboradores.

“A pandemia assustou os profissionais da saúde. Muitos tinham receio de trabalhar no hospital, mas com um programa bem elaborado e eficaz conseguimos garantir a segurança de todos”, diz o colaborador. Além dos programas de implantação de normas de segurança e saúde, o Hutrin faz também a conscientização dos profissionais sobre o uso dos equipamentos de proteção individuais e palestras educativas para garantir a saúde e, principalmente, o bem-estar de todos.  

Em 2003, a OIT instituiu a data como o Dia Mundial da Segurança e Saúde no Trabalho. A homenagem lembrou a memória das vítimas de acidentes e doenças relacionadas ao trabalho. A data foi instituída no Brasil pela Lei nº 11.121/2005.

Mês de conscientização

Para reforçar ainda mais a importância da data, em 2014 ocorreu a Campanha Abril Verde com o objetivo de divulgar dados e informações aos trabalhadores. Assim, eles poderiam criar projetos e rotinas na prevenção de acidentes e doenças ocupacionais.

Neste período acontecem várias ações em todo o Brasil. No Hospital de Urgências de Trindade, a Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) promoveu palestras para conscientização de todos os colaboradores. Além disso, distribuiu material impresso e digital com informações importantes sobre o tema.

A edição desta semana do projeto Amor Cantado – Acolhimento Musical, transmitida nesta quarta-feira (28) encerrou as comemorações da campanha. O engenheiro e voluntário Hercílio Ramos Júnior, que da voz à iniciativa, fez uma homenagem aos profissionais técnicos em segurança de trabalho.

A live do Canal TV IMED (Youtube) é transmitida semanalmente para os hospitais de Urgência de Trindade (Hutrin), Regional de Luziânia (HRL), Regional de Formosa (HRF) e Regional São Luís de Montes Belos (HRSLMB).

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content