Em 2021 não teremos o Carnaval como estamos acostumados. Na maioria das cidades do país houve o cancelamento da festa. Essa medida serviu para evitar as aglomerações e a circulação de pessoas. Enquanto a vacina não chega a todos, o momento é de espera. Os apaixonados pela folia entendem a necessidade, mas não deixam de sentir uma certa tristeza. 

Por isso, a 25ª edição da live Amor Cantado – Acolhimento Musical prestou uma justa homenagem aos foliões e à alegria para manter firme a tradição. Com algumas músicas típicas do Carnaval, o cantor e voluntário do projeto Hercílio Ramos Junior levou a festividade para dentro dos hospitais em Goiás. 

“A doença nos afeta de muitas maneiras e muitas vezes nos tira a alegria. Por isso decidimos trazer músicas alegres para os nossos hospitais, por meio do projeto Amor Cantado’, afirmou Getro de Oliveira Pádua, diretor do IMED.

“O Carnaval é uma das festas mais populares no país. Ele traz alegria, descontração e, principalmente, uma pausa nos momentos difíceis. Portanto, cantar e recordar algumas músicas deixa o coração leve”, afirma o engenheiro e voluntário do Amor Cantado, Hercílio Ramos Júnior. 

Participam da live “Amor Cantado-Acolhimento Musical” os Hospitais de Urgência de Trindade (Hutrin), Regional de Luziânia (HRL) e Regional de Formosa (HRF). Todas essas unidades do Governo do Estado de Goiás são administradas pelo Instituto de Medicina, Estudo e Desenvolvimento – IMED.  

Amor Cantado

O projeto de acolhimento musical do Imed está no ar desde agosto de 2020. A iniciativa chega a sua 25º edição com mais de 4200 visualizações no Youtube. São mais de 1000 minutos de programação e centenas de pacientes dos três hospitais beneficiados pelo poder da música.

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content